Nova Futura Investimentos 23 de setembro de 2020 3 minutos lendo
Voltar para o blog

Day Trade, Swing Trade ou simplesmente Trade?

23 de setembro de 2020   -   3 minutos lendo

A crise do covid-19 em conjunto com a baixa taxa de juros, fez com o que o número de pessoas físicas na bolsa de valores crescesse de forma acelerada. Pois devido a pandemia investidores passaram a ficar mais tempo em casa. Sendo assim, esse cenário aliado a busca de maiores ganhos financeiros, fez com o que os volumes de Day Trade e Swing Trade aumentassem neste ano.

Diante disso e tentando dar a nossa contribuição para o crescimento e democratização do Mercado de Ações Brasileiro, fazemos aqui algumas colocações que funcionam para qualquer forma de operar no mercado. São regras que valem a pena serem analisadas e que são utilizadas na prática na gestão dos nossos fundos Santa Fé Aquarius FIM e Santa Fé Scorpius FIA.

Regra número 1

Conheça seus limites de risco e o tamanho das perdas que pode suportar.

Primeiramente conheça o seu perfil de risco. É necessário entender o quanto suporta perder. Pois assim poderá colocar a cabeça no travesseiro e dormir em paz, sendo um princípio básico de sobrevivência no mercado.

Regra número 2

Tenha um plano de ação definido, deixe muito claro muito claro seus objetivos e teses de investimento.

Muitos investidores começam a operar sem um plano ou estratégia definido. Contudo, talvez esse seja um dos maiores erros causando frustração e prejuízo nos “trades”.

Regra número 3

Conheça detalhadamente os ativos que você deseja operar!

Conhecer os ativos com que vai operar também é fundamental e hoje consegue-se muita informação nas redes sociais. Esse conhecimento é importante para evitar surpresas desagradáveis, bem como datas de vencimento, tamanho e características de contratos, setores e concorrentes de empresas.

As próximas duas e últimas regras trazem um pouco da nossa forma de ver os mercados, principalmente o de ações.

Regra número 4

Análise qualitativa dos ativos. Só compre ações das empresas que você acredita que sejam promissoras.

Antes de começar faça uma análise qualitativa da empresa com que está querendo operar, revise seus números, sua governança, entenda seu modelo de negócio e quem são seus sócios e diretores.

Por fim a última regra, mas para nós aqui na Santa Fé Investimentos, a mais importante:

Regra número 5

Siga o fluxo de investimentos!

Como está o fluxo de recursos financeiros para as ações da empresa selecionada? Quem são os gestores de recursos no mercado que investem nessa empresa? Como é sua performance em relação ao Ibovespa ou ao índice específico a que se relaciona?

Compre as ações das empresas que os melhores e maiores gestores gostem, tenham em carteira e superem consistentemente o Ibovespa. Disciplina, foco e perseverança sempre serão necessários!

Bons trades!

Por: Santa Fé Investimentos

Conteúdo Relacionado

Pronto para começar?

Abra sua conta