Nova Futura Investimentos 11 de janeiro de 2022 4 minutos lendo
Voltar para o blog

Entenda o que é alavancagem financeira e afeta os investimentos

11 de janeiro de 2022   -   4 minutos lendo

Uma das formas de investidores experientes aumentarem os lucros é a prática de alavancagem financeira, ou seja, usando dinheiro emprestado. Esse método é bastante eficiente, mas também tem muito risco embutido. Por isso, é voltado para quem conhece o mercado financeiro a fundo.

Além dos investimentos, esse método é usado por empresas, para elevar os lucros e investir nos próprios negócios. Também serve como indicador de uma boa gestão para os investidores fundamentalistas. 

Neste artigo, vamos explicar mais sobre a alavancagem financeira e como ela funciona na prática, tanto para os investidores quanto para as empresas. Pelo tamanho do risco existente, é importante dizer que esse mecanismo deve ser usado depois de muito estudo. 

O que é alavancagem financeira?

Na Bolsa de Valores, essa é uma das formas de aproveitar oportunidades com dinheiro de terceiros, com o objetivo de aumentar os lucros. De uma forma simples: a alavancagem funciona como uma maneira de empréstimo para investidores.

O termo surge do mesmo conceito da alavanca, que serve para erguer objetos mais pesados com uma força bem menor. Nos investimentos, é como se alguém tomasse capital de um terceiro para ter mais lucro. 

Vamos a um exemplo prático: imagine que você tenha R$5 mil para investir, e a corretora tem um limite de alavancagem de 5 vezes. Com isso, seu limite total se torna R$25 mil, mas R$20 mil é emprestado. Se você tiver muita confiança em uma operação, seus lucros são multiplicados — assim como os prejuízos. 

Por isso, é uma maneira muito arriscada de investir, que pode tanto multiplicar seu patrimônio como reduzi-lo drasticamente. Assim, a alavancagem só deve ser usada com parcimônia e conhecimento. 

Alavancagem em empresas

As empresas também fazem alavancagem financeira, quando tomam dinheiro emprestado para realizarem investimentos próprios. Com isso, ela consegue melhorar os serviços, expandir os negócios e gerar mais valor tanto para os acionistas quanto para os sócios. 

Porém, há algumas empresas que tomam dinheiro emprestado e não conseguem gerar retorno. Assim, um investidor mais atento percebe que a gestão financeira de uma companhia pode não estar indo para o caminho mais correto. 

Daí surge o Grau de Alavancagem (GAF), um indicador que aponta o risco que a empresa ou o investidor pode correr. Quanto maior o capital emprestado, maior é o GAF e mais risco há na operação. 

Vale a pena fazer alavancagem?

A primeira coisa é saber dos riscos dessa operação e para quem ela é mais indicada. Geralmente, a alavancagem é usada em investimentos de curta duração, como o Day Trade, compra e venda de uma ação no mesmo dia. Conheça mais sobre essas operações na Nova Futura.

Dito isso, é uma estratégia válida para investidores conseguirem retornos maiores, mesmo com pouco capital. Mas lembre-se que, na prática, é como se você estivesse contraindo uma dívida que terá de ser paga no fim do dia. 

No exemplo citado acima, o investidor tem uma dívida de R$20 mil e deve quitá-la no mesmo dia. Assim, se ele tiver um ganho de 1%, fica com R$200 de lucro e devolve R$20 mil. Mas se tiver uma perda de 5%, deve pagar R$20 mil e mais R$1 mil de prejuízo. 

Por isso, antes de operar alavancado, conheça seu perfil de investidor e estude mais sobre a Bolsa de Valores. Assim, é possível minimizar os erros e evitar uma perda significativa de patrimônio. 

Como diminuir os riscos para operar alavancado

Além dos citados, é importante definir bem uma estratégia na hora de investir, assim como estudar as movimentações do ativo no dia, usando a análise gráfica. Se o investidor tem mais certeza sobre a operação que está fazendo, o risco é menor. 

Além disso, para operar alavancado, serve a máxima dos investimentos: diversificação. Nesse tipo de operação, o investidor deve levar ao pé da letra o ditado “não coloque todos os ovos em apenas uma cesta”.

Invista com a Nova Futura

Além da alavancagem financeira, há diversas estratégias para maximizar seus lucros na Bolsa de Valores. Na Nova Futura, você conta com o auxílio de especialistas que identificam as melhores oportunidades e te ajudam na hora de escolher o melhor investimento para seu portfólio. 

Acompanhe outros conteúdos do blog e inscreva-se no nosso canal do YouTube para ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro. Por lá, fazemos análises de diversos ativos da Bolsa, falamos sobre as perspectivas da economia brasileira e muito mais. Acompanhe! 

Conteúdo Relacionado

Pronto para começar?

Abra sua conta