Como posso investir em ações?
home     Mercado de ações     Tudo sobre o mercado     Como posso investir em ações?

O primeiro passo para começar a investir é procurar uma corretora. A Nova Futura Corretora possue o homebroker, ferramenta que permite que você compre e venda ações diretamente pelo sistema, de forma rápida, transparente e segura.

O homebroker é utilizado via internet, portanto você pode acompanhar o mercado e negociar suas ações de casa, no escritório e até durante uma viagem ao exterior.

Há diversas formas de investir em ações:

Individualmente: você escolhe as ações que deseja investir e as negocia pelo homebroker de sua corretora ou banco. Se precisar de apoio na hora de escolher as ações, você pode contar com sua corretora, pois nela trabalham profissionais especializados em análise de empresas e do mercado. Além disso, várias delas emitem relatórios mensais que podem te auxiliar na tomada de decisão.

Clubes de Investimento:no clube de investimentos você também investe diretamente em ações, mas compartilha a participação nas empresas com amigos, colegas de trabalho ou profissionais de sua categoria. Todos os participantes podem opinar na hora de escolher em que ações o dinheiro do clube será investido e, como o capital do clube é bem maior do que o dinheiro que cada um teria para investir sozinho, vocês podem diversificar os investimentos, ou seja, ao invés de comprar ações de duas ou três empresas, podem investir em várias delas, inclusive de diferentes setores da economia.

ETFs: os ETFs são fundos de ações compostos por empresas que integram determinados índices da Bolsa. Ao adquirir um ETF você está comprando uma série de ações de diferentes companhias, diminuindo, dessa forma, a probabilidade e o risco de perda quando optamos por negociar uma ação em especial. Além disso, o custo da operação é menor, já que você não precisa comprar as ações pertencentes ao Ibovespa separadamente, por exemplo, e compra diretamente as cotas do fundo equivalente.

Importante: antes de investir faça algumas considerações. Quanto mais tempo você mantiver suas ações, menor será o risco, pois as eventuais desvalorizações das ações que você comprou podem ser revertidas. Além disso, é aconselhável que você não dependa desse dinheiro que investiu em ações para gastos emergenciais, para não ter que arcar com prejuízos sem necessidade. Por fim, lembre-se que todo o bem que adquirimos deve ser cuidado e, por isso, você deve sempre acompanhar a evolução de suas ações no mercado.